Friday, 27 June 2008

É em paz que resisto vigorosamente ao teu corpo.

Deste amor que me nasce o vinculo à terra.

É desta imperfeição que entendo a inteligência.

Mas tudo em mim corre numa única direcção: à LOUCURA!

[Autoria Desconhecida]

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Com muita satisfação e prazer, publico este pequeno verso, gentilmente cedido pelo Jácome D’Alva. Obrigada meu caro!
Meus queridos amigos, entreguemos-nos à loucura.
Afinal, quem vive com loucura, tira o maior partido da vida: a LIBERDADE.
É livre para viver com muito prazer.


Excelente final de semana!

4 comments:

Anja Rakas said...

Baby..bem sabes que de loucura eu entendo..que meu nome do meio (para além de Rakas) é Loucura.
Baby...gostaria que a Loucura me trouxesse felicidade, gostaria que ela alem de fazer parte de mim fosse fiel a mim. Gostaria de não ser tao fiel as palavras, aos gestos e aos silencios.
Liberdade, é o que desejo. Liberdade de ser Eu, de ser simplesmente vida, de viver assim devagar, de mansinho, esgueirando pelas ruas, trocando recados com o vento e silenciando o sol com um sorriso.
São desejos...simples desejos.

Bonito Post.
Bjokas

Jade said...

É tão fisico e carnal!!!
A foto é brutal completa muito bem.
:)

Um beijo e bom fim de semana

Miguel e Juliana said...

Belas palavras, e a mensagem de liberdade é a plenitude dos gozos.
Muito bem; Esperamos as tuas opiniões Africana Linda.

Beijos
Miguel e Juliana

Hannah & Carlos said...

Liberdade...
Dos sentimentos
...
Lindo, voltaremos mais vzs
.
.
.
Hannah
Carlos