Sunday, 28 December 2008

Por Ti, Tudo é Nada

Amar-te e bom

Amar-te e belo

Desejar-te e lindo

Desejar-te e intenso

Fazer amor contigo e único

Fazer amor contigo e magico

Nos somos tridimensionais

Nos somos excepcionais


Certeza de te amar, não as tenho

Sinais de me amares, tenho os sempre

Nesses sinais procuro-te

Procuro a certeza de me amares

De nos amares

De te amares comigo


Em cada sinal vejo-te

Em cada incerteza encontro-te

Na duvida, mergulho-me em ti

E nessa duvida sou salva por ti


Como posso não te amar

Como posso não te querer

Se tudo em nos nos une

Se tudo em nos nos atrai um para o outro


Não há “MAS” que nos afaste

Que me impeça de te viver

Que me impeça de viver o que me fazes sentir


Por ti, navegarei mares negras

Por ti, atravessarei escuras florestas

Crivada de obstáculos e de barreiras

Mas por ti, tudo enfrentarei

Por ti, tudo vale e nada e pouco


[08.10.2008]



3 comments:

águia_livre said...

São ideias, são desejos.

FELIZ ANO DE 2009
.

Jácome D`Alva said...

E porque que em vez de escreveres não me disseste pessoalmente?

Jácome D`Alva said...

Que o ano de 2009 seja tudo o que mais desejas.

Um bj